Ranking de Escolas de 2016

lista de escolhas

Consulte a posição de cada escola a partir das médias das notas obtidas pelos alunos nos Exames Nacionais. Pode utilizar diversos filtros, tais como: ver apenas as escolas do seu concelho, ver aquelas que tiveram melhores resultados no exame de matemática, ver apenas as escolas públicas ou privadas, entre outros.

Filtragem da Informação






Informações sobre os rankings

Elaboração do ranking

Dado que é possível o acesso às bases de dados dos exames nacionais, qualquer entidade pode elaborar um ranking com base nesses resultados. No matematica.pt procura-se, todos os anos, realizar um trabalho sério e transparente de análise desses números. No cálculo da posição do ranking de escolas foram utilizados os seguintes critérios:

  • As escolas foram ordenadas por ordem decrescente das médias dos resultados dos Exames Nacionais;
  • Foram contabilizados os exames realizados nas duas fases dos Exames Nacionais;
  • Foram considerados apenas os Exames Nacionais realizados por alunos internos;
  • No filtro Disciplina a opção Todas refere-se aos exames de Matemática e Português.
  • A posição da escola no Ranking depende dos filtros Ano de Escolaridade e Disciplina.
  • Os filtros Número de Exames, Tipo de Escola, Distrito e Concelho apenas são utilizados para restringir a quantidade de informação que é mostrada. Estes filtros não alteram a posição da escola no ranking.

Notas sobre as colunas que constam da tabela:

  • Total Exames, Média Interna e Média Exame dependem dos filtros Ano de Escolaridade e Disciplina;
  • Média Interna varia entre 1 e 20 no caso do 12º ano e entre 1 e 5 para os restantes anos;
  • Média Exame varia entre 1 e 20 no caso do 12º ano e entre 1 e 100 para os restantes anos;
  • Média Interna é calculada com base na nota obtida no final do ano, pelos alunos internos, na(s) disciplina(s) em que foram sujeitos a Exame Nacional.

gráfico

Diferentes tipos de rankings

O ranking das escolas é elaborado tendo em conta os resultados dos exames nacionais e provas finais de ciclo, partindo da informação que é disponibilizada anualmente pelo Júri Nacional de Exames. Como o Ministério da Educação não elabora nenhum ranking, apenas disponibiliza as bases de dados com os resultados das provas nacionais, cada órgão de comunicação social tem a sua lista própria, pois os critérios não são iguais. Assim não é consensual a lista das escolas com melhores resultados, uma vez que isso depende dos critérios escolhidos. Para alguns meios de comunicação social é importante a distinção entre alunos internos e externos, outros apenas consideram escolas onde tenham sido realizados mais de 50 exames. Existe também alguma polémica acerca do facto de serem utilizados os resultados das duas fases ou apenas da primeira. Aqui optamos por mostrar claramente quais foram os critérios escolhidos e fornecer uma vasta seleção de filtros para que cada um possa pesquisar com os critérios que julgar mais adequados. No caso de encontrar algum erro, poderá reportá-lo através da página Contactar.